CS 2021: segunda rodada da BTobace termina sem consenso

Nova reunião está agendada para o próximo dia 09 de junho. Sindicato realizará assembleias informativas nos locais de trabalho seguindo todos os protocolos sanitários devido à pandemia de Covid-19. Participe!

CS 2021: segunda rodada da BTobace termina sem consenso
28 maio 12:01 2021 Débora Piloni

Aconteceu na última quarta-feira (26) a segunda rodada de negociação da Campanha Salarial 2021 entre representantes da BTobace e do Sinergia CUT. Na ocasião, a empresa expôs considerações em pontos de sua proposta que teria sido apresentada na reunião anterior. Sem consenso, pois, para o Sindicato a proposta ainda não atende as principais reivindicações da categoria, nova reunião foi marcada para o dia 09 de junho. Até lá, o Sindicato discutirá o andamento das negociações com os trabalhadores em assembleias informativas. Fique ligado!

Para relembrar a proposta apresentada na primeira rodada, ocorrida em 12 de maio, e as considerações feitas pela empresa e pelo Sindicato naquela ocasião, clique aqui.

Confira a proposta da empresa nesta segunda rodada:

 1)   Reajuste Salarial  

Considerando que a aplicação da Cláusula nº 74 do ACT vigente conduz a 8,38% de reajuste salarial, a empresa apresentou a seguinte proposta de parcelamento:

  • 4,19 % retroativo a maio
  • 4,19% (*) em julho, sem retroativo (4,02%, para complementar os 8,38%)

Mantém a Cláusula nº 74, com a média dos índices e livre negociação de aumento real

2)   Vale Alimentação

A empresa propôs R$ 590,00 parcelados em duas vezes, o que corresponde a um reajuste de 6,31%. Sendo:

  • R$ 573,00 maio e junho (retroativo a maio)
  • R$ 590,00 a partir de julho, sem retroativo

3)   Plano de saúde

A empresa manteve a mesma proposta do reajuste pelo mesmo percentual do reajuste salarial.

 4)   Prorrogação do Acordo Coletivo

Ao contrário da primeira rodada, agora a empresa informou que aceita prorrogar o ACT por apenas 01 ano. Contudo, aponta também para a possibilidade de prorrogar por 02 anos caso a proposta seja aceita.  

 5)   Banco de Horas

A empresa manteve o pleito da primeira rodada, quando solicitou a alteração da Cláusula 6ª do ACT vigente, externando a vontade de que se compensem 100% das horas extras. Já naquela ocasião, o Sindicato expôs os impactos negativos dessa posição, manifestando a necessidade de reconsideração.

6)   Demais benefícios expressos monetariamente

 Os demais benefícios serão corrigidos pelo índice de reajuste de salário em uma única vez.

 Em Tempo: em email enviado ao Sindicato, a empresa se posicionou quanto aos seguintes pontos: “[…] extensão do ACT novamente para 2 anos, e na cláusula do pagamento do banco de horas […] colocar na redação que a suspensão do pagamento das horas seria excepcionalmente para o ACT de 2021 a 2022, voltando a ser negociado em 2022×2023.”

PARTICIPE DAS ASSEMBLEIAS COM TODA A SEGURANÇA!

Para debater e informar os trabalhadores sobre os pontos da proposta, os negociadores do Sinergia CUT estarão nos locais de trabalho entre 01 e 08 de junho, nos dias e locais especificados na tabela acima. Em virtude da pandemia de Covid-19, as assembleias presenciais seguirão todos os protocolos de segurança: distanciamento, uso de máscaras,  álcool em gel, além de realização da reunião em local ventilado. Participe!!!

Débora Piloni

  Categorias: