CS 2021

CS 2021: BTobace se compromete a avaliar contraproposta do Sindicato

A terceira rodada aconteceu nesta quinta-feira (10) e empresa dará a sua resposta na próxima negociação, marcada para esta terça (15)

CS 2021: BTobace se compromete a avaliar contraproposta do Sindicato
10 junho 16:58 2021 Nice Bulhões, com informações da Secretaria Geral

Na terceira rodada de negociação com a BTobace, ocorrida nesta quinta-feira (10), o Sinergia CUT começou a reunião informando que os trabalhadores estão insatisfeitos quanto à proposta da empresa. O representante da BTobace voltou a afirmar que enfrenta dificuldades em avançá-la. Por isso, o Sindicato propôs alterações na proposta e a empresa se comprometeu a avaliar até a próxima rodada, agendada para a esta terça-feira (15).

A insatisfação dos trabalhadores foi manifestada durante as assembleias presenciais informativas realizadas pelo Sindicato em quatro locais de trabalho, entre os dias 1º e 8 de junho.  As assembleias seguiram todos os protocolos de segurança por conta da Covid-19.  Clique aqui para relembrar a proposta da empresa, bem como a 2ª rodada.

Contraproposta do Sindicato

  • Reajuste salarial: manutenção na íntegra da cláusula 74 (Média da inflação + 1% de aumento real).
  • Vale Alimentação: R$ 600,00 a partir de julho.
  • Banco de horas: dado pela empresa que a compensação de 100% das horas acumuladas no banco no primeiro ano do ACT (21-23), como primordial para a manutenção dos empregos e dos salários em dia, o Sindicato solicitou que pelo menos algumas melhorias fossem implementadas:

  – que a compensação de 100% das horas seja implementa a partir da assinatura do ACT, garantindo a aplicação da regra atual as horas já acumuladas;

  – garantia que a compensação das horas seja feita respeitando a vontade do trabalhador até o limite que não comprometa o trabalho da equipe, mediante prévia negociação com o líder imediato;

 – que o prazo final para a compensação das horas acumuladas nesse período seja dia 31/04/2022.

Todos pela vida: com saúde, emprego e renda!

Por Nice Bulhões, com informações da Secretaria Geral

  Categorias: