Covid-19

Com imunização lenta no país, RJ e SP confirmam os primeiros casos da variante Delta

Lentidão segue também em seis estados que ainda têm menos de 10% de sua população imunizada com as duas doses ou dose única de vacina contra a Covid

Com imunização lenta no país, RJ e SP confirmam os primeiros casos da variante Delta
06 julho 13:37 2021 Redação CUT

Lentidão segue também em seis estados que ainda têm menos de 10% de sua população imunizada com as duas doses ou dose única de vacina contra a Covid

Em meio à lentidão da vacinação contra a Covid-19 no Brasil, com o  total de brasileiros imunizados com as duas doses, em apenas 12,92%, os estados de São Paulo e Rio de Janeiro confirmaram, nesta segunda-feira (5), os primeiros casos da variante Delta, cepa identificada inicialmente na Índia e mais transmissível. 

A variante Delta é um dos principais motivos do agravamento recente da pandemia de Covid-19 em países onde a vacinação está avançando bastante. A OMS acredita que a variante — que é muito mais transmissível que as outras mutações do coronavírus já identificadas — tem potencial para se tornar a dominante no mundo nos próximos meses.

No Brasil, a variante Delta preocupa ainda mais, já que, segundo especialistas, o número da vacinação é ainda muito baixo para controlar a circulação do vírus. Há oito dias o Brasil está na faixa dos 12% de pessoas que receberam as duas doses ou dose única de vacinas.  No total são 26.470.130 que se vacinaram com duas doses e 895.278 que tomaram a dose única, o que dá um total de 27.365.408 doses aplicadas.

A lentidão segue também em seis estados que ainda têm menos de 10% de sua população imunizada com as duas doses ou dose única de vacina contra a Covid. Acre (9,91%), Tocantins (9,84%), Mato Grosso (9,72%), Maranhão (9,59%), Rondônia (9,25%) e Amapá (8,36%) são os estados com a vacinação lenta. Desta lista, o Acre aparece com o maior número de imunizados, 9,91%, enquanto o Amapá é o último, com 8,36%.

Mesmo com os números baixos, depois de cinco meses e meio do início, a vacinação começa a apontar indícios de que está fazendo efeito na melhoria dos indicadores no Brasil, apesar de os índices gerais da pandemia seguirem em patamares altos. Há queda na média geral de mortes por Covid-19, desaceleração nas internações e diminuição de óbitos entre os idosos.

Especialistas alertam, no entanto, que a pandemia está longe de acabar. Ao comparar os óbitos da pandemia no ano passado, antes do início da imunização, em 17 de janeiro, com as mortes deste ano, vê-se uma redução progressiva da participação dos grupos protegidos no percentual de mortes.

Números da pandemia

Nas últimas 24 horas o Brasil teve 695 mortes e 22.703 novos casos de Covid-19, menor número de contaminações diárias desde 4 de janeiro deste ano, quando o país teve 20.006 novos diagnósticos em um dia. 

O número de contaminações por Covid-19 no Brasil chegou a 18.792.511 nesta segunda-feira (5), já o número de mortes é de 525.112, segundo dados do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass). 

É importante lembrar que as segundas-feiras os números da pandemia apresentam-se baixos, uma vez que grande parte dos órgãos de saúde não funciona aos domingos, quando os dados seriam contabilizados.

Prefeitura de SP antecipa vacinação de pessoas com 39 anos para 8 de julho

A prefeitura de São Paulo anunciou nesta segunda-feira (5) que a vacinação de pessoas de 39 anos vai acontecer nesta quinta-feira (8). O grupo, que conta com aproximadamente 143 mil pessoas, ainda não tinha data definida para começar a ser imunizado, mas era previsto para a próxima semana.

Segundo a prefeitura, a antecipação dos dois grupos será possível porque a capital recebeu uma remessa de 130 mil doses no sábado (3).

Calendário atualizado de vacinação na capital:

  • Segunda a terça-feira (5 e 6/7): 41 anos
  • Quarta-feira (7/7): 40 anos
  • Quinta-feira (8/7): 39 anos
  • Sexta e sábado (9 e 10/7): Repescagem de 39 a 41 anos e D2 de todos os grupos
  • (Datas das outras idades ainda não foram divulgadas pela Prefeitura de SP)
  Categorias: