CS 2019: na Biolins, trabalhadores decidem!

CS 2019: na Biolins, trabalhadores decidem!
13 agosto 09:11 2019 Débora Piloni

Depois de quatro rodadas de negociação, saiu a proposta final de ACT. Sinergia CUT realiza assembleias nos locais de trabalho nesta semana. Participe! Só a luta te garante!

Com data-base em abril, a primeira rodada de negociação entre o Sinergia CUT e os representantes da JBS Biolins ocorreu apenas em 23 de maio passado. E de lá para cá, foram quatro rodadas até se chegar a uma proposta que pudesse ser levada para avaliação e deliberação dos trabalhadores.

Tudo porque, no início das discussões, em maio, a empresa encaminhou um modelo de indicadores para PPR e proposta de Acordo que não contemplava as principais reivindicações da categoria, como aumento real , ACT por dois anos e uma nova política de emprego.

Já um mês depois, na segunda rodada ocorrida em 24 de junho, a empresa apresentou uma nova redação para a cláusula de política de emprego. O Sindicato fez suas considerações sobre a redação dessa cláusula e reiterou a solicitação de aumento real e ACT por 2 anos que, novamente, não tinham sido contemplados na proposta.

A terceira rodada aconteceu no dia 16 de julho passado. Outra vez a cláusula de política de emprego foi o motivo do impasse e nada mais foi discutido.

A PROPOSTA FINAL
A quarta rodada de negociação da Campanha Salarial 2019 aconteceu na última segunda-feira, 12 de agosto. A reunião iniciou com a discussão da PPR 2019 e a proposta de metas foi reiterada:

• Meta eficiência de caldeira:
2,15% 35%
• Meta eficiência da turbina:
3,70% 35%
• Meta do presenteísmo:
99% 25%
• Meta do programa:
55,87% 5%

Na ocasião a empresa apresentou também a redação da nova cláusula de política de emprego, se comprometendo a não promover dispensas sem justa causa que não se fundem em descumprimento de obrigações contratuais, motivo funcional ou disciplinar ou questões econômicas previamente comprovadas.

Detalhe: essa cláusula não se aplica em caso de rescisão por mútuo acordo, pedido de demissão e término de contrato por prazo determinado.

Confira os outros itens da proposta:

✔Reajuste: 5% sobre salários, piso e PPR.
✔Beneficio de alimentação: 15% sobre o valor atual, com participação mensal de R$ 8,00.
✔Ajuda de transporte: 10% de reajuste sobre o valor atual.
✔Vigência do Acordo: 2 anos.
✔Homologações no Sindicato.

PARTICIPE DAS ASSEMBLEIAS
Na avaliação do Sinergia CUT, essa proposta traz avanços: aumento real no reajuste de salários, um percentual de 15% no beneficio de alimentação e de 10% no auxílio transporte, além de prorrogar a vigência do acordo por 2 anos.

Por tudo isso, o Sinergia CUT realizará nesta semana assembleias com os trabalhadores da Biolins para que deliberem sobre a proposta final de ACT.

Participe!
Só a luta te garante!

  Categorias: